NOTA DE REPÚDIO



         A Academia de Letras de Itabuna – ALITA, irmanando-se aos representantes da imprensa do mundo civilizado, repudia com veemência a demonstração de barbárie e selvageria representada pelo atentado aos jornalistas franceses do Charlie Hebdo que resultou na morte de doze pessoas, símbolos da imprensa livre e independente no país cultuado como exemplo de liberdade e fraternidade.

Possa o ato terrorista servir de alerta a todos os povos, unindo-os no combate às ideologias que possam inspirar episódios criminosos e inaceitáveis, em total dissonância com a voz unânime de um mundo sedento de união, justiça e paz.

 
Sônia Carvalho de Almeida Maron
Presidente