A Escola Arco-Íris Homenageia Cyro de Mattos com Poemas Encenados de O Circo no Quintal



A Escola  Arco-Íris promoveu encenação de poemas do livro O Circo no quintal, de Cyro de Mattos, na reunião de Pais e Mestres, na quinta-feira passada,  dia 2, a partir de 19 horas, e, na oportunidade, o poeta itabunense concedeu autógrafos no seu mais recente livro infantil  para os alunos da Primeira Unidade-2016, os incríveis estudantes mirins do II Período Escolar. 
O evento teve a coordenação da diretora Jussara Coelho e sua equipe de professores e contou  ainda  com o  acompanhamento musical de Jean Costa. Encantou,  em suas passagens cheias de humor e alegria,  a pais, mestres e professores, arrancando aplausos e risos da platéia que compareceu  a esse circo no quintal armado na Escola Arco-Íris com singeleza e afeto.   
Ao longo desses  anos, a Escola Arco-Íris vem enriquecendo seu trabalho pedagógico com pinturas, músicas, poesias e outras produções de escritores e artistas regionais. No ano de 2010, como parte do “Projeto  Era Uma vez.... Itabuna 100 Anos de Emancipação”, a Escola homenageou o poeta Cyro de Mattos com interpretação e releitura do seu poema “O Menino e o Mar”,  que foi um dos vencedores do V Concurso Cancioneiro Poético Infanto-Juvenil para Autores de Língua Portuguesa, patrocinado  pelo Instituto Piaget de Almada, em Portugal.
Estampou o poema “O Menino e o Mar” em camisas que foram distribuídas aos pais de alunos e divulgou seu texto  na rádio FM Sul, o qual foi acompanhado de fundo musical apropriado para o tema da poesia, durante o período de 3 a 12 de agosto.  Como aconteceu com outras escolas de Itabuna, a Escola Arco-Íris já teve oportunidade de trabalhar em sala de aula com o livro “Palhaço Bom de Briga”, de Cyro de Mattos, contando inclusive,  no encerramento do trabalho,   com a presença do autor, que concedeu autógrafos na obra  aos pais e alunos daquele estabelecimento de ensino.   
“O reconhecimento só é bom quando é dado em vida. Depois de morto só serve para encher a individualidade do orador. Nada melhor do que você sentir que seu trabalho é útil porque leva  o bem para as pessoas, principalmente a crianças,  e de sua cidade natal, isso é impagável”,  disse Cyro de Mattos.